CURSO DE REDES WIRELESS (WI-FI)

CURSO DE REDES WIRELESS (WI-FI)

Artigos

Como Montar uma Rede Wireless

Redes Wireless estão em franco crescimento. Novas redes são implementadas, com soluções mais rápidas, abrangentes e confiáveis. Até pouco tempo, elas eram caras e difícil de usar. Ouvimos
muitos casos de empresas pagando milhares de dólares, só para descobrir que o alcance de seu equipamento não era suficiente para seu escritório. Este artigo responde às três perguntas mais comuns de primeiros usuários de redes sem fios: o que devo comprar, o que preciso fazer, e como colocar tudo funcionando junto.
Redes Wireless estão em constante progresso, entretanto o princípio básico é o mesmo. Em vez de usar cabos para transmitir informações de um ponto até outro (ou muitos), usa-se sinais de rádio.

A comparação mais íntima que pode ser feita é com o telefone sem fio a 2.4GHz. De fato, a tecnologia usada é quase idêntica, e quanto aos benefícios, nem se fala. Com uma rede sem fios um computador ou laptop podem ser movidos em qualquer lugar dentro do alcance da rede sem a interrupção de serviço de rede. Isto significa que se você tiver um laptop, você pode ficar na sua poltrona favorita e acessar a Internet ou acesso sua rede sem arrastar um fio através da
sala.

O que Comprar ? padrões de rede

Há três padrões principais para as Redes Wireless: 802.11b, 802.11a e 802.11g. Cada padrões tem suas vantagens e desvantagens. Ao selecionar um padrão em rede você deve considerar cuidadosamente suas necessidades em termos de alcance, layout do prédio, e custos.
802.11B O tipo de Rede sem fios mais popular é o 802.11b. Tem uma velocidade de máximo de 11 Mbps, com um alcance de máximo operacional de 100 metros em ambiente fechado e 180 metros em
uma área aberta. A distância do ponto de acesso determina diretamente a velocidade da conexão. A 20 metros a velocidade é normalmente 11 Mbps. Em alcances de 70-110 metros a velocidade pode cair
para 1 Mbps ou abaixo que pode causar esporádica perda de sinal, bem como lentidão na conexão.

802.11b opera na popular faixa de freqüência de 2.4GHz, que pode causar problemas com telefones sem fio e fornos microondas em raras ocasiões.

802.11A Em comparação com 802.11b, 802.11a é mais rápido, porém os equipamentos usandos este padrão são freqüentemente mais caros. Fornece um aumento significante em velocidade (até 54 Mbps) mas com um alcance operacional menor. Em distâncias superiores a 30 metros há redução na velocidade, mas em alcance menores fica entre 22 e 40 Mbps. Este equipamento utiliza a freqüência de 5GHz, que significa mais confiabilidade, especialmente se você tiver outras redes
de Rede sem fios na mesma área.

802.11G Uma nova linha de produtos de fabricantes de rede sem fios combina os conceitos de 802.11a e 802.11b. Conhecida como Tecnologia ?G? (802.11g), apresenta a velocidade de um
equipamento 802.11a, mas é completamente compatível com as rede 802.11b existentes. É
ligeiramente mais barato que a tecnologia 802.11a, mas ainda usa a 2.4 faixa de GHz, então ele pode ainda causar problemas com outros dispositivos. É uma pontes entre 802.11a e b, ao mesmo
tempo em que fornece uma versão aperfeiçoada para uma rede ?b? existente. O alcance é o mesmo que 802.11b. Este padrão não é compatível com 802.11a.

É recomendável que você adquira todos os equipamentos para sua rede Wireless de um único fabricante. Muitos oferecem soluções integradas que dão maior alcance e velocidade uma vez que
todos os componentes usam a mesma tecnologia e boa parte dos processos de verificação e compatibilização podem ser otimizados. Equipamentos das marcas D-Link e LinkSys oferecem essas características, com alguns chegando a desempenho superior ao de redes cabeadas a 100Mbps.